sábado, 18 de julho de 2009

OUTRAS ARGUMENTAÇÕES SOBRE AS NASCENTES DO RIO AÇU II...


IMAGEM AÉREA DO AÇUDE E CIDADE DE COREMAS






VÍDEO SOBRE...


COREMAS, UM OÁSIS NO SERTÃO PARAIBANO






OUTRAS ARGUMENTAÇÕES SOBRE AS NASCENTES DO RIO AÇU II...

EUGÊNIO FONSECA PIMENTEL DISSE:

Quanto ao rio Piancó como sendo o afluente de maior expressão do rio Açu não há duvida sobre esta afirmação. Wilson do IBGE de ASSU me mostrou texto em que uma pesquisadora defendia que o rio nascia no município de Conceição do Piancó. Todavia Santa Inês foi desmembrado deste antigo município.



Considerei todos os critérios inclusive este que eu considero o mais importante: 5.5. Os braços de rios, paranás, igarapés e alagados não serão classificados em separado, uma vez que são considerados parte integrante do curso d'água principal. Recentemente os geógrafos e geólogos no rio Amazonas, seguindo uma variante mais comprida estão provando que este importante rio brasileiro é o maior rio do mundo tanto em extensão como em volume de água escoada. È maior que o rio Nilo que até pouco tempo era considerado o maior rio do mundo em extensão.

Se seguirmos o rio Piancó em direção a Conceição e Santa Inês e este percurso for maior em extensão em metros ou quilômetros do que seguindo, desde a barra do riacho Piancozinho em direção a Santa Cruz da Baixa Verde o riacho Santa Inês é a nascente principal do rio Açu.

*”O nobre pesquisador Pedro Severino, advoga que rio Açu é maior em extensão quando se segue o riacho Piancozinho até a sua cabeceira”... Todavia imagens de satélites e mapas geológicos e topográficos diversos mostram que tal convicção não corresponde à realidade. Pois se observa claramente que seguindo para o sudoeste, o rio Piancó é maior do que seguindo para o sul em direção a Santa Cruz da Baixa Verde. Brevemente mostrarei o mapa elaborado por uma equipe de pesquisadores da ANA e outro confeccionado pela CPRM onde mostram que a minha convicção está correta. Será possível que entidades governamentais do mais elevado gabarito como IBGE, ANA e CPRM estejam equivocadas. Acho muito pouco provável. Pois estas fizeram um levantamento de semi-detalhe sobre esta importante região do semi-árido do Brasil.

14 DE JULHO DE 2009 02:16


EUGÊNIO FONSECA PIMENTEL DISSE...

Interfluvio. Inter = entre; Fluvio ou fluvial = relativo a rio. Porção territorial mais elevada entre rios. Nem sempre divide município ou estado do Brasil. Pelo que foi escrito o rio Piancozinho não nasce na Paraíba e sim em Pernambuco como escrevi. Todavia a distancia do delta do rio Açu a cabeceira de Piancózinho é menor que a distancia do mesmo delta até a cabeceira do riacho Santa Inês ou subafluente deste. A nascente principal é o percurso da jusante para montante do rio que possui maior extensão. Neste caso é o riacho Santa Inês.

15 DE JULHO DE 2009 16:52




MINHAS CONSIDERAÇÕES


Dentro as minhas considerações, ao meu vê, devo ressaltar que para se estudar “Bacias hidrográficas”...Tem que se obedecer a “Priori”... Aos fundamentos da Hidrologia... Que está “Intrinsecamente”, ou seja, “Umbilicalmente”... Ligado ao “Ciclo “Hidrológico”...

Sei também, que o comportamento hidrológico de qualquer bacia hidrográfica, depende essencialmente da sua formação “Geomorfológica”... Ou seja, da sua “Geologia”...

Agora, entretanto, como sabemos, todo “Rio”... Possui, sua(s) “Nascente(s)” e “Foz”... Particularmente, vejo que, aonde exista qualquer ‘Rio”...Começa, pela “Nascente”... Decorrente de “Olho D`Água, Surgência, etc...De onde brotam os córregos, Riachos...Que formam... E continua em “Tese”, os Rios até sua Foz... Mesmo, os rios intermitentes, no caso, dos nossos rios... Daqui do Semi-Árido Nordestino Brasileiro...

Agora, tratar de nascente de um rio... De “Cabeceira”... Dentro do meu ponto de vista, é um equivoco... Pois, nos “Preceitos”, do conhecimento hidrogeológico... “Cabeceira”, estar mais para “Divisor”, de bacias hidrográficas... Do que para nascente de rios... Numa melhor hipótese, “Cabeceira”, seria um Interfluvio. Inter = entre; Fluvio ou fluvial = relativo a rio. Porção territorial mais elevada entre rios... Como o nobre geólogo Eugênio Pimentel, definiu acima.

Enfim, depois de muitas argumentações e contra-argumentações o nobre geólogo Eugênio Pimentel, querer afirmar...Que eu tinha dito(*”O nobre pesquisador Pedro Severino, advoga que rio Açu é maior em extensão quando se segue o riacho Piancozinho até a sua cabeceira”)...Não estar sendo condizente com a “Verdade”, dos meus textos...

Sempre, venho afirmando fundamentado na Resolução Nº 399 de 23/07/2004 da Agência Nacional de Águas (ANA) que modifica a Portaria nº 707, de 17 de outubro de 1994 do Departamento Nacional de Águas e energia Elétrica (DNAE), especifica os critérios para a determinação dos cursos d’água em uma bacia que constituem as unidades sobre as quais serão aplicados os critérios constitucionais de dominialidade.

Aonde num dos critérios diz:

5.3) Em cada confluência será considerado curso d’água principal aquele cuja bacia hidrográfica tiver a maior área de drenagem...

Assim sendo, afirmo mais uma vez, que as nascentes do Piancózinho... Localizada nas imediações dos municípios de Pernambucano de Triunfo e Santa Cruz da Baixa Verde... E o município Paraibano de São José de Princesa - PB... É o principal nascente do Rio Piancó...E não Riacho Santa Inês na divisa da PB com PE...

Tudo isto afirmo “Categoricamente”...Por que o Riacho Piancózinho...É maior do que o Riacho Santa Inês...É que, o Riacho Piancózinho... É maior tanto em extensão...Em área drenada do que o Riacho Santo Inês...

Então, vamos a uma explicação plausível sobre isto...Enquanto, o Riacho Santo Inês, tem da sua nascente até a confluência com Rio Piancó em Conceição-PB, conhecida por ”Conceição do Piancó”...Só tem mais ou menos 50km de distancia...E uma altitude de sua bacia hidrográfica em média de somente 520 metros...E além do mais...O Riacho Santo Inês, não é nascente...É mais uma “Cabeceiras”...Pois, só alimenta o Rio Piancó...Quando chove...

Enquanto, que o Riacho Piancózinho...Desde da sua nascente Localizada nas imediação dos municípios de Pernambucano de Triunfo e Santa Cruz da Baixa Verde...E o município Paraibano de São José de Princesa - PB...Até sua confluência com o Rio Piancó no Município de Boa Aventura - PB...Mede uma distancia, aproximada de 100km...E uma altitude média em torno de 800 metros...E diferencial de tudo isto, é que o Riacho Piancózinho...Nasce de fato de surgência e/ou olho d`áagua...Na Serra da Baixa Verde, localizado(a)s entre os municípios Pernambuco de Triunfo e Santa Cruz da Baixa Verde...Um exemplo, palpável de tudo isto, ou seja, da surgência e olhos de água, nesta referida “Serra”...É ser chamada “Serra da Baixa Verde”...

Donde se conclui que o “ Riacho Piancózinho”...É o principal afluente do Rio Piancó...Faltando somente que o “CNRH”(Conselho Nacional de Recursos Hídricos) e/ou a “ANA”(Agência Nacional de Águas)...Reestudar tudo isto...E Baixar “Portaria”...Redefinindo tudo isto...Ou seja, definindo o Rio Piancó...Com sendo o Rio principal da Bacia Hidrográfica do Rio Açu...E Riacho Piancózinho...Como sendo o principal afluente do Rio Piancó...

Em síntese de tudo isto...Dentro de uma ótica hidrológica,a principal nascente de um rio...Deve ser a nascente com maior contribuição hidrológica...E/ou riacho aonde tenha surgências aluvionais em sopé de serra...Aonde permanente...Brotam os “Olhos D` Água...


P.S( PÓS ESCRITO):

Prezado Geólogo Eugênio Fonseca Pimentel,
De fato, o Rio Açu...Não existe...





Ele é mais uma continuação...Do nosso Grande “Piancó”...Que aí no Vale do Açu...Se engrandece muito mais, no VALE DO AÇU... Por ser uma “Região Sedimentar”...De topografia amena...E o Rio Piancó...Se “Espraiar”...Dando origem ao Rio Açu...E conseqüentemente, originando “Historicamente”, a denominação do Estado do “RIO GRANDE DO NORTE”...


DO ESCRITOR
PEDRO SEVERINO DE SOUSA
JOÃO PESSOA(PB), 18.07.2009















Um comentário:

eugeniofonsecapimentel disse...

O rio Açu ou rio Grande que deu nome a Capitania do Rio Grande existe. Suoa foz do tipo delta ja fora descrito por Gabriel Soares de Sousa em 1587 no famoso Tratado Descritivo do Brasil. Vou te mandar o texto original que pesquisei na Internet. Mande seu e-mail que te rementerei. Seu pedaço de chão, meu meio ambiente tal como o seu são bonitos e devem serem melhor aproveitados como pontos turistico. Como mandarei fotos da riquesa de água da minha região no Planeta Água.